Empreendedorismo Digital: os principais desafios

Empreendedorismo Digital: os principais desafios

 Prospecção de fornecedores, tratamento de dados, disponibilidade de recursos tecnológicos e outras dificuldades da área.

As mudanças tecnológicas em suma vêm proporcionando um crescimento significativo para o mercado digital. Negócios de todas as áreas acompanham esse cenário e ou estão dando um jeito de entrar nesse mundo.

Definitivamente, o sucesso de um novo negócio no mercado depende principalmente de estar sintonizado às demandas do mercado. Sempre há espaço para novas soluções, mesmo para questões específicas. O importante é posicioná-las de forma correta para alcançar o público alvo.

É o caso, por exemplo, de empresas como Uber, Ifood e outras iniciativas que transformaram a relação de consumo em seus segmentos com a tecnologia.

O avanço e o acesso da internet também é um ponto crucial que precisa ser observado por qualquer empreendedor. No Brasil, aproximadamente 70% da população tem acesso à rede, segundo pesquisa realizada pela TIC Domicílios.

Nesse contexto, não dá para negar que entrar no mundo digital é importante para empresas de todos os segmentos. E, apesar de não ser exatamente uma novidade, o desenvolvimento de produtos digitais ainda pode ser desafiador.

Para isso, é necessário trabalhar pontualmente itens como a prospecção de fornecedores qualificados, o tratamento dos dados, a infraestrutura e os recursos tecnológicos disponíveis, entre outros aspectos compatíveis a cada segmento.

Confira a seguir quais são os principais desafios para lançar um novo produto nos meios digitais.

 

Destacar-se e ser relevante

Antes de lançar um novo produto no mundo digital é essencial ter em mente para qual grupo ele está sendo desenvolvido e qual problema ele se propõe solucionar. Direcionamento é um dos primeiros passos nesse processo, mas é muito fácil se perder nesse ponto.

Assim como em qualquer outro mercado, os produtos digitais também funcionam por oferta e demanda. Claro que existem produtos similares para um mesmo público, mas identificar as particularidades do nicho é importante.

Um segmento bem especificado e com público definido é o estágio inicial para entender o comportamento do usuário. Essa é uma dificuldade de várias empresas, pois elas perdem de vista o objetivo do produto digital. Lembre-se: tecnologia tem como objetivo facilitar atividades e solucionar deficiências do dia a dia.

Conhecimento técnico e qualificado

Digamos que o primeiro desafio já tenha sido superado, agora é hora de colocar a mão na massa. Esse desenvolvimento precisa de um conhecimento técnico profundo. Assim começa a jornada de prospecção uma fornecedora de tecnologia qualificada e confiável.

Construir a estrutura para um novo aplicativo, site e outros projetos tecnológicos afinal não é uma tarefa fácil. É preciso prever falhas que ainda nem existem, desenvolver uma base de dados sólida e implementar recursos que permitam que o a tecnologia funcione corretamente.

Assim, Isso não acaba depois do projeto pronto! A manutenção e evolução do produto é definitivamente tão importante quanto o bom funcionamento inicial. Contar com uma desenvolvedora de tecnologia de confiança pode evitar muitas dores de cabeça nesse processo.

 

Demonstrar credibilidade 

No mundo do Empreendedorismo Digital onde os desafios surgem todos os dias, a credibilidade é posta à prova o tempo todo. Por isso, além de proporcionar uma experiência agradável ao usuário, estratégias para demonstrar confiabilidade são muito importantes.

O usuário precisa sentir que seus dados não estão em perigo ao utilizar o produto digital. É como um sistema de confiança que deve ser realizado e demonstrado pela empresa.

Certificações de segurança, conformidade com as exigências legais, entre outras ações devem ser pensadas para transmitir essa segurança ao usuário. Para entrar no mercado digital essa é mais uma questão que você precisa estar atento.

Gostou? leia mais matérias em nosso blog

 

Deixe um comentário

Your email address will not be published.